Apocalipse 13 e as eleições

A essa altura em que chegamos das eleições no Brasil, dá para refletir um pouco sobre o que estamos vivenciando como sociedade e arriscar algumas possíveis comparações com o cenário escatológico de Apocalipse 13, que nos aguarda: Essa tensão pela qual estamos passando agora é um vislumbre do ambiente que viveremos quando a crise final (Lei Dominical) chegar. Haverá polarização idêntica em torno de um tema. Muitos textos, áudios e vídeos circulando nas mídias sociais contendo argumentos e contra-argumentos; testemunhos de pessoas famosas e centenas de outras anônimas declarando de que lado estão; muitos vestindo a camisa do seu “partido”; mensagens sérias e quem sabe outras com humor; diversas fake news comprometendo a imagem da IASD e a reputação de líderes conhecidos; desentendimento e brigas com amigos e familiares…

Em Cristo não sou condenado

“Ideologia de gênero é abuso infantil em larga escala”, afirma especialista

A ideologia de gênero está revelando-se “abuso infantil em larga escala” e representa uma ameaça aos direitos básicos das crianças, concluiu um painel do Values ​​Voter Summit, a maior reunião política anual de conservadores nos Estados Unidos. Diante de centenas de pessoas reunidas no evento na capital Washington, o psiquiatra Paul McHugh e a pediatra Michelle Cretella falaram sobre os danos que a ideologia de gênero representa para as crianças. “Nosso país está promovendo abuso infantil em grande escala”, disse Cretella em sua palestra. “E meu campo de atuação é cúmplice. Pediatria, psiquiatria, nosso sistema educacional a mídia de massa e mídia social, todos contribuem.”

Um recado aos eleitores da esquerda contemporânea

Um recado do fundo do coração para os cristãos marxistas ou simpatizantes de linha comunista e esquerdista (no sentido ideológico). É com amor. Curioso que quando conhecemos a verdade e tomamos uma decisão ao lado de Cristo, iniciamos uma série de mudanças na vida. Quem era filiado a boates, por amor a Cristo as abandona. Quem era filiado a botecos, por amor a Cristo os abandona. Quem era filiado a uma vida promíscua, por amor a Cristo a abandona, etc. Portanto, por sermos cristãos, devido a valores cristãos, nos desvinculamos de muitas coisas justamente devido a incompatibilidade desses dois mundos. Por amor a Deus e pela responsabilidade de levantar a bandeira da verdade perante o mundo, contrapondo a mentira, as ideologias malignas e ao mal que impera, é que deixamos para trás tudo o que se contrapõe a verdade para viver em novidade de vida.

O que é ser livre em Cristo?

O que os presidenciáveis pensam sobre “agenda LGBT”

Não é do meu interesse publicar neste blog algo que se relacione com a política. Porém, como pastor e cristão não posso me isentar de tudo, uma vez que a política atual ganhou grande proporção de viés ideológico anti-cristianismo, em especial, contra a família cristã e a pureza infantil. Abaixo estou republicando uma matéria do portal Gospel Prime que tem por objetivo fazer-nos conhecer melhor o que alguns candidatos pensam a respeito da agenda LGBT. A matéria é informativa com informações que precisam ser mais amplamente analisadas. Espero que seja de grande auxílio para melhor discernir quais candidatos estão mais distantes dos valores cristãos. Esta será a única postagem a este respeito.

Igreja Adventista vota documento sobre pena de morte

Material preparado por teólogos sobre pena de morte é baseado na Bíblia e foi apreciado por delegados no Concílio Anual da Igreja Adventista. A pena de morte é um tema permanentemente em discussão no mundo inteiro. Dados da Anistia Internacional mostram que, em 2016, houve 1.032 execuções em 23 países relacionadas a condenações com pena de morte. Mas a lista de países que possui leis autorizando a pena de morte chega a 58. A maioria das execuções ocorreu em países como China, Irã, Arábia Saudita, Iraque e Paquistão. No Brasil, a pena de morte é proibida, exceto para crimes militares cometidos em tempos de guerra, segundo previsto na Constituição Federal de 1988. Bolívia, Chile e Peru também mantêm pena de morte em circunstâncias excepcionais.

Papa Francisco utiliza os dez mandamentos para defender o domingo

“Na sua catequese na Audiência Geral desta quarta-feira [5 de setembro de 2018], o Papa Francisco falou sobre “o dia do repouso” para os cristãos: “Tanta gente, tanta, que tem a possibilidade de divertir-se, e não vivem em paz com a vida. Domingo é dia de fazer as pazes com a vida, dizendo, a vida é preciosa! Não é fácil, às vezes é doloroso, mas é preciosa”. O verdadeiro sentido do repouso. Dando continuidade a sua série de catequeses sobre o Decálogo, o Papa falou nesta quarta-feira aos mais de 13 mil fiéis presentes na Praça São Pedro sobre o repouso como “momento de contemplação e louvor”, “é a bênção da realidade”. Francisco recordou ainda a necessidade de nos reconciliarmos com nossa própria história, pois a verdadeira paz, não é mudá-la, mas dar as boas-vindas e valorizá-la.

O Cristão e a política: Deveres e cuidados


Que o homem é responsável em promover a ordem social, cidadania e agir com seriedade diante da política e das autoridades é claramente ensinado na Escritura. A responsabilidade se estende a todas as áreas da vida, inclusive no que diz respeito às práticas que ajudam a construir os alicerces que definem os direitos e deveres do cidadão. A resposta de Caim: “Acaso sou eu tutor de meu irmão?” (Gn 4:9), é um claro e bem sonoro sim. A resposta de Deus à indagação de Caim é mais profunda e séria do que imaginamos. Embora haja resistência por alguns, os cristãos, segundo a Bíblia, devem exercer probidades sociais e governamentais não somente aos demais habitadores como também aos soberanos.